Logotipo Instituto Nascer
(31) 3262-3538

Blog

POR QUE FAZER FISIOTERAPIA DURANTE A GRAVIDEZ?

A gestação transforma todo o corpo da mulher. As mudanças acontecem para garantir o bom desenvolvimento do bebê e assegurar seu nascimento. Toda essa transformação causa dores, desconfortos e limitações físicas, que podem ser atenuadas ou evitadas com fisioterapia durante a gravidez.

Qual a importância da fisioterapia no período de gestação?

Antes de qualquer coisa, é importante entender que durante esse período de total transformação física, psicológica e emocional da mulher, é preciso cuidados que vão além do pré-natal. Para garantir uma boa gestação e formação do bebê, é preciso ações que melhoram a qualidade de vida da mãe e da criança.

Durante esta fase, o corpo da mulher precisa de atenção especial. Boa parte de sua estrutura óssea é alterada e o excesso de carga, em conjunto com movimentação limitada e má postura, desgastam as articulações, enfraquecem os músculos e, consequentemente, causam dores em diversas regiões do corpo da gestante.

Por isso, é preciso, além de boa alimentação e exames solicitados pelo obstetra, fortalecer a estrutura física para desenvolver o bebê com desgaste mínimo no corpo da gestante, garantir que o parto aconteça naturalmente sem complicações e proporcionar conforto para a mãe durante sua gravidez.

Benefícios da fisioterapia durante a gravidez

– Melhora da postura;

– Redução dos inchaços;

– Diminuição das dores nas articulações, lombar, pés e pernas;

– Redução das câimbras;

– Melhora da circulação sanguínea;

– Fortalecimento do assoalho pélvico.

Como é o tratamento de fisioterapia durante a gravidez?

A fisioterapia para gestantes é um trabalho global, feito a partir do segundo trimestre de gravidez, sendo baseada em exercícios de alongamento, relaxamento e respiração. Também são feitos exercícios de fortalecimento dos músculos e preparo de abdômen e do períneo (região entre a vagina e o ânus).

A prática dos exercícios, em sua maioria, trabalha a movimentação do corpo, a dinâmica da bacia e a postura da gestante, para prevenir os danos causados pela alteração do eixo corporal da mulher. Desta forma, é possível que a mãe passe o período de gestação mais tranquila, menos dolorida e esteja bem preparada para o parto.

Outro trabalho interessante realizado na fisioterapia durante a gravidez, é a preparação do períneo, que é feita a partir de exercícios de respiração e fortalecimento da região, desde o início da gestação. Entre a 31º e 33º semanas, a preparação do períneo começa a ser feita também com massagem perineal.

Mais artigos como este estão disponíveis no blog do Instituto Nascer. Acesse e saiba mais sobre obstetrícia, ginecologia, pediatria e cenário de parto.